Ex-volante dirigido por Luiz Felipe Scolari no Palmeiras e hoje supervisor de futebol do clube, Galeano festejou nesta terça-feira a contratação do treinador. Atuando como dirigente, ele esteve em Portugal, local onde a família do técnico reside, ao lado do vice-presidente de futebol palmeirense, Gilberto Cipullo, e ajudou a trazer o comandante com o qual foi campeão da Copa Libertadores de 1999.

“Estive em Portugal junto com o Cipullo e a nossa conversa foi a melhor possível. Passamos tudo o que o Palmeiras está proporcionando e os avanços na estrutura do clube. O Felipão está muito entusiasmado e cheio de vontade em começar logo a dirigir o time. Com certeza o Palmeiras vai crescer muito com a chegada dele”, afirmou Galeano, que foi dirigido Felipão entre 1997 e 2000, em entrevista publicada pelo site oficial do Palmeiras.

Ao lado de Felipão, além de ser campeão sul-americano, Galeano conquistou os títulos da Copa do Brasil e da Mercosul de 1998 e do Torneio Rio-SP de 2000. Agora, na função de dirigente do Palmeiras, o ex-jogador lembra que a chegada do técnico pentacampeão mundial com a seleção brasileira é uma contratação de peso que precisava ser feita para alterar o panorama ruim que o clube vive atualmente.

“Ele é um treinador que gosta das coisas certas e possui uma filosofia vencedora. Além disso, é uma pessoa totalmente identificada com o clube e com a torcida. Estávamos precisando de uma mudança como essa”, ressaltou Galeano, que aposta que, sob o comando de Felipão, o Palmeiras terá chances de buscar o título brasileiro depois do término da Copa do Mundo.

“Pelo fato de estarmos apenas na décima colocação (da tabela do Brasileirão), precisamos buscar as vitórias e reagir o mais rápido possível. Mas ainda restam muitos jogos, e com elenco que temos e os reforços que vão chegar, tenho certeza de que podemos brigar por esse título.”