A volta à zona de rebaixamento do Brasileirão e depois de sofrer mais uma goleada reacende  o questionamento sobre a falta de qualidade do grupo atleticano e o que se pode fazer para melhorar o rendimento do time no campeonato.

A primeira resposta que vem à cabeça de qualquer torcedor é qualificar com contratações. Essa é uma possibilidade acenada pela diretoria rubro-negra, porém nada é confirmado.

O diretor de futebol do clube, Ocimar Bolicenho, disse após a derrota do fim de semana que carências foram detectadas e “novas caras” devem aparecer no CT do Caju.

Dentre as especulações está o retorno  do ídolo Alex Mineiro.  O jogador está com cartaz baixo no Grêmio, onde tem contrato até o fim desta temporada. No entanto, hoje acontecerá uma reunião no tricolor gaúcho para definir novas diretrizes por lá,  após a desclassificação da Libertadores.

E a dispensa de alguns atletas, com altos salários e com rendimento abaixo do esperado, deve acontecer, já que a folha de pagamento está no limite, como comentou o presidente tricolor Duda Kroeff.

É cogitado pela imprensa que, além de Alex Mineiro, estariam nesta lista o atacante Jonas, os volantes Orteman e Makelelê e o lateral-esquerdo Jadilson. Jonas é outro jogador que cairia muito bem no elenco rubro-negro. Já o lateral Ruy deixou o clube gaúcho na semana passada e acertou com o Fluminense.

Disputa

Além do clube paranaense, Alex Mineiro seria pretendido pelo Santos, que ensaia uma troca envolvendo o zagueiro Fabiano Eller, que não jogará mais pelo Alvinegro praiano por se recusar a sentar no banco de reservas. Há também sondagem do Catar pelo atacante.

De acordo com Bruno Paiva, representante de Alex Mineiro, não houve contato ou propostas do clube paranaense. Além disso, oficialmente, o atacante ainda é jogador do Grêmio,  que gastou para tirá-lo do Palmeiras e, caso aceite negociá-lo, vai querer uma compensação financeira ou envolver jogadores.

O alto salário pago a Alex também não se enquadra nos patamares rubro-negros, mas Bolicenho adiantou que uma negociação é possível, desde que o jogador fique em disponibilidade.

Outro atacante que estava nos planos do Furacão não deve pintar por aqui. Otacílio Neto épretendido pelo Botafogo-RJ, lanterna do Brasileirão, e pelo futebol turco.