A próxima edição do Paulistão terá uma mudança importante na fórmula disputa: a inclusão das quartas de final. Em reunião na sede da Federação Paulista de Futebol (FPF), na tarde desta terça-feira, em São Paulo, os representantes dos 20 clubes participantes confirmaram a novidade no campeonato da próxima temporada, que já vinha sendo defendida pela entidade.

Assim, após a disputa de um turno único, com 19 rodadas, os oito primeiros colocados do Paulistão se classificam para as quartas de final, quando haverá apenas uma partida para a definição dos quatro semifinalistas. As semifinais do campeonato também terão apenas um confronto, enquanto a grande final será a única fase a ter jogos de ida e volta.

“É uma fórmula que trará mais emoção”, defendeu o presidente da FPF, Marco Polo Del Nero, após a aprovação do novo sistema de disputa. “A única vantagem das quartas de final (para os times de melhor campanha na primeira fase) será a de jogar em casa. O empate leva para os pênaltis. Portanto, os clubes terão de jogar para ganhar. Isso deixará o jogo mais atrativo.”

Apesar do novo regulamento, a disputa do título de Campeão do Interior foi mantida. Agora, os clubes de fora de capital paulista (com exceção do Santos) que forem derrotados nas quartas de final vão lutar para ser o campeão. “Vamos manter o torneio que movimenta o interior”, explicou Del Nero. “É uma fórmula que agrada todos os clubes.”

A disputa do Paulistão de 2011 será entre 15 de janeiro e 15 de maio. Na abertura do campeonato, acontecerá o jogo entre o Santos, atual campeão, e o Linense, que ficou com o título da Série A-2 neste ano e foi um dos quatro que conseguiu o acesso para a primeira divisão – os outros são São Bernardo, Americana (ex-Guaratinguetá) e Noroeste.