Parecia que seria nesta sexta-feira (20). Jogando bem, o Londrina esteve perto de conseguir sua primeira vitória no Campeonato Brasileiro da Série B. Mas o Goiás conseguiu empatar e o jogo ficou no 1×1 no estádio JK, em Itumbiara. Foi o primeiro ponto do LEC na Segundona.

O Londrina sempre foi o time mais organizado. Como prometeu o técnico Cláudio Tencati, o Tubarão teve uma proposta agressiva, não ficando apenas na defesa. Com Diogo e Germano tendo boa atuação, Rafael Gava e Zé Rafael participavam mais do jogo. Mesmo com a perda de Jô ainda no primeiro tempo – lesionado, ele deu lugar a Paulinho Mocellin -, era o LEC quem controlava a partida em Itumbiara.

Com o ex-atleticano Cléo no lugar do ex-coxa Rafhael Lucas, o Goiás tentou voltar pressionando, mas os visitantes seguiram dominando a partida. Tencati pediu para Igor Bosel e Léo Pelé subirem mais ao ataque, e foi Igor, o lateral-direito, quem abriu o placar após uma bobeada da zaga e do chute de Zé Rafael. Logo depois, Keirrison quase ampliou em um contra-ataque.

Antes de sair, trocado por Bruno Batata, o K9 perdeu outra na cara de Renan. E os lances foram fatais. Após uma pressão dos donos da casa, Cléo rolou para o veterano Wendel mandar uma bomba, no ângulo de Marcelo Rangel. Nos minutos finais, o mesmo Wendel foi expulso e a pressão mudou de lado, mas nada aconteceu. E ainda não foi desta vez que o Londrina quebrou o jejum de vitórias na Segundona.