Depois de oito rodadas de questionamentos e resultados aquém do esperado, o Santos do técnico Cuca finalmente conheceu sua primeira vitória no Brasileirão ao bater o Sport por 1 a 0, ontem, na Vila Belmiro, em partida válida pela 13.ª rodada.

A vitória, apesar de não tirar o time da zona de rebaixamento – 11 pontos, na penúltima posição -, recupera a confiança no time e no técnico Cuca que, após a derrota para o Figueirense chegou a pedir demissão, mas voltou atrás após uma longa conversa com o presidente do clube, Marcelo Teixeira.

O Sport, por sua vez, ainda busca provar que o título da Copa do Brasil não foi por acaso. Hoje, o time do técnico Nelsinho Baptista soma 15 pontos e permanece numa situação desconfortável na competição. O próximo jogo do Leão da Ilha, será contra o Atlético-PR, em Recife.

Criticado por modificar a equipe e não dar um padrão tático, Cuca não teve como evitar a estréia do atacante paraguaio Nelson Cuevas, que, ainda sem ritmo de jogo, esforçou-se e agradou a torcida.

Aos 42, Molina desceu pela esquerda e foi derrubado dentro da área por César. E como tudo na vida santista não tem sido fácil, a cobrança não seria exceção. O atacante Kléber Pereira cobrou mal; o goleiro Magrão defendeu, mas o atacante santista pegou o rebote para cabecear e, enfim, colocar o Santos à frente no placar. O Santos  volta a sonhar com dias melhores.

Na próxima rodada enfrenta o Palmeiras, no Palestra Itália, na quinta-feira.