enkontra.com
Fechar busca

De Letra

Fluminense vence Bahia, mas não evita rebaixamento

Com a vitória do Coritiba sobre o São Paulo, o Flu deu adeus à Série A

Depois de ter sido campeão brasileiro no ano passado, o Fluminense foi rebaixado para a Série B nesta temporada. Com a vitória sobre o São Paulo por 1 a 0, neste domingo, em Itu (SP), pela última rodada do campeonato, o Coritiba decretou a queda do Fluminense. Mesmo tendo vencido o Bahia por 2 a 1, em Salvador, o time carioca terminou a disputa entre os quatro últimos colocados.

 

Fazendo um jogo de desespero, contra um adversário que apenas queria se despedir do campeonato com vitória diante da sua torcida, o Fluminense até que fez sua parte, ao ganhar de virada do Bahia por 2 a 1, na Arena Fonte Nova. Mas não foi suficiente. Ficou com 46 pontos, rebaixado. Já o time baiano, com a derrota em casa, encerrou sua participação com 48 pontos.

Livre de qualquer risco de rebaixamento, o Bahia entrou em campo mais tranquilo, se mostrou superior durante o primeiro tempo e ameaçou o gol adversário, parando quase sempre no goleiro Diego Cavalieri. Mas, já aos 42 minutos, não teve jeito de o Fluminense se livrar: depois de receber passe de Marquinhos, Willian Barbio abriu o placar para o time baiano na Fonte Nova.

O Bahia não voltou com a mesma postura no segundo tempo. E o Fluminense aproveitou. Num cochilo da defesa adversária, o time carioca empatou aos 10 minutos, com gol de Wagner. Depois, já aos 37, Samuel conseguiu a virada. Mas, como o Coritiba venceu o São Paulo em Itu, de nada adiantou a vitória do time carioca, que vai disputar a Série B do Brasileiro no ano que vem.

FICHA TÉCNICA:

BAHIA 1 X 2 FLUMINENSE

BAHIA – Marcelo Lombra; Fabrício Lusa, Demerson, Titi (Feijão) e Raul; Fahel, Rafael Miranda, Anderson Talisca e Marquinhos (Diones); Fernandão e Willian Barbio. Técnico: Cristóvão Borges.

FLUMINENSE – Diego Cavalieri; Igor Julião (Samuel), Gum, Leandro Euzébio e Wellington Silva; Edinho, Jean e Wagner; Biro Biro (Rafinha), Rafael Sóbis e Kenedy (Robert). Técnico: Dorival Júnior.

GOLS – Willian Barbio, aos 42 minutos do primeiro tempo; Wagner, aos 10, e Samuel, aos 37 minutos do segundo tempo.

ÁRBITRO – Leandro Pedro Vuaden (RS).

CARTÕES AMARELOS – Igor Julião e Anderson Talisca.

RENDA – R$ 732.290,00.

PÚBLICO – 40.249 pessoas.

LOCAL – Arena Fonte Nova, Salvador (BA).

Siga a Tribuna do Paraná
e acompanhe mais novidades

Deixe um comentário

avatar
300

5 Comentários em "Fluminense vence Bahia, mas não evita rebaixamento"


Carlos Montagner
Carlos Montagner
5 anos 4 meses atrás

Vagas certas para o acesso em 2014: Vasco e Fluminense; quase certo: JEC e Icasa! Os demais, serão zebras!

vinicius agua verde
vinicius agua verde
5 anos 4 meses atrás

Verdade, atrasaram o jogo em 2009, não subiram nem pra execução do Hino Nacional

eu sou COXA TÉTRA CAMPEÃO, e voce seu vérme????
eu sou COXA TÉTRA CAMPEÃO, e voce seu vérme????
5 anos 4 meses atrás

E ESSES FDP´s FIZERAM =ZINHO EM 2009: ENTRARAM “ATRASADOS” EM CAMPO, RETARDARAM O QUE PUDERAM DA PARTIDA E NO FINAL TOMARAM NOKÚ ! JUSTIÇA TARDA MAS NÃO FALHA, 4 ANOS DEPOIS E AGORA PAGA A SÉRIE B E AINDA FALTA A SÉRIE C P/ SER DESCONTADA…

Rogerio Couto Pereira
Rogerio Couto Pereira
5 anos 4 meses atrás

Agora que o Paralixo não sobe mesmo.

NELSON OLIVEIRA
NELSON OLIVEIRA
5 anos 4 meses atrás

PARA O PR CLUBE FOI ÓTIMO, POIS EM 2014 VAI PODER JOGAR COM VASCO E FLUMINENSE, NO MARACANÃ…..KKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKK

wpDiscuz

Últimas Notícias

Mais comentadas