O Brasil teve três indicados ao primeiro prêmio Bola de Ouro da Fifa, destinado ao melhor jogador do mundo. A lista, revelada em Zurique, conta com 23 jogadores e é dominada pela Espanha, que faturou o título da Copa do Mundo na África do Sul. O goleiro Julio Cesar e os laterais Maicon e Daniel Alves foram os brasileiros indicados.

Eleito o melhor jogador do mundo de 2009, Lionel Messi é o único argentino indicado ao prêmio, que também inclui o astro português Cristiano Ronaldo e o uruguaio Diego Forlán, premiado como o melhor jogador da última Copa do Mundo. Xavi, David Villa, Xabi Alonso, Iker Casillas, Carles Puyol, Andrés Iniesta e Cesc Fábregas são os espanhóis presentes na lista.

Os alemães Miroslav Klose, Philipp Lahm, Thomas Muller, Mesut Ozil e Bastian

Schweinsteiger, os holandeses Arjen Robben e Wesley Sneijder, o camaronês Samuel Eto’o, o marfinense Didier Drogba e o ganês Asamoah Gyan foram os outro indicados.

A brasileira Marta, eleita quatro vezes a melhor jogadora do mundo, concorre novamente ao prêmio. Ela disputa com a alemã Birgit Prinz, a francesa Camille Abily, a alemã Fatmire Bajramaj, a sul-coreana So Yun Ji, a sueca Caroline Seger, a canadense Christine Sinclair, a inglesa Kelly Smith, e as norte-americanas Hope Solo e Abby Wambach.

Pela primeira vez, a Fifa também vai premiar treinadores, mas nenhum brasileiro foi indicado. Carlo Ancelotti, do Chelsea, Vicente del Bosque, da seleção espanhola, Alex Ferguson, do Manchester United, Pep Guardiola, do Barcelona, Joachim Löw, da seleção alemã, José Mourinho, ex-Inter de Milão e atualmente no Real Madrid, Oscar Tabárez, da seleção uruguaia, Louis Van Gaal, do Bayern de Munique, Bert Van Marwijk, da seleção holandesa, e Arsène Wenger, do Arsenal, foram apontados para o prêmio de melhor técnico de equipes masculinas.

Bruno Bini, da seleção francesa, In Cheul Choi, da seleção sub-20 da Coreia do Sul, Maren Meinert, da seleção sub-20 da Alemanha, Albertin Montoya, do FC Gold Pride, dos Estados Unidos, Silvia Neid, da seleção alemã, Hope Powell, da seleção inglesa, Norio Sasaki, da seleção japonesa, Bernd Schröder, do FFC Turbine Potsdam, da Alemanha, Pia Sundhage, da seleção dos Estados Unidos, e Béatrice von Siebenthal, da seleção suíça, foram indicados ao prêmio de melhor técnico de equipes femininas.

O prêmio, conhecido anteriormente como Melhor Jogador do Ano, será entregue pela primeira vez em conjunto pela Fifa e a revista France Football, que criou a Bola de Ouro em 1956. As votações serão realizadas pelos capitães e técnicos da seleções, além de jornalistas convidados. No dia 6 de dezembro, serão anunciados os três finalistas de cada categoria. E o vencedor será premiado em cerimônia a ser realizada em 10 de janeiro de 2011, em Zurique.