O técnico Luiz Felipe Scolari está desde a semana passada na Europa, para negociar com os clubes a liberação de jogadores para a seleção brasileira, assistir a alguns jogos e conversar com seus convocados. Na segunda-feira, por exemplo, ele teve um encontro em Paris com o zagueiro Thiago Silva e o meia-atacante Lucas, ambos do Paris Saint-Germain, que estão no grupo que disputará a Copa das Confederações de 15 a 30 de junho.

Por conta da negociação direta com alguns clubes europeus – da lista de 23 convocados para a Copa das Confederações, 12 atuam na Europa (Julio Cesar, Thiago Silva, David Luiz, Dante, Daniel Alves, Marcelo, Filipe Luís, Hernanes, Luiz Gustavo, Oscar, Lucas e Hulk) -, Felipão já anunciou o adiamento da apresentação da seleção: inicialmente marcada para 27 de maio, ficou para o dia seguinte, ainda no Rio, onde começa a preparação.

Além de negociar com os clubes e encontrar os jogadores convocados, Felipão aproveita a viagem para acompanhar alguns jogos na Europa. Junto com o coordenador técnico da seleção, Carlos Alberto Parreira, ele esteve na última sexta-feira em Madri para ver a final da Copa do Rei, entre Real Madrid e Atlético de Madrid. E estará sábado no Estádio de Wembley, em Londres, onde acontecerá a decisão da Liga dos Campeões, entre Borussia Dortmund e Bayern de Munique.