Falcão provou, novamente, porque é considerado por muitos como o melhor jogador de futsal de todos os tempos. Ontem, o camisa 12 deu mais um show na quadra do Centro de Atividades Sesi, em Caxias do Sul, e, com dois gols e uma assistência, liderou a Seleção Brasileira ao título da Copa Intercontinental de Futsal após goleada por 4 a 1 sobre a Colômbia.

O craque começou a partida no banco de reservas e, quando entrou em quadra, mudou o jogo. Isto porque, nos primeiros cinco minutos, os colombianos jogaram melhor e por pouco não saíram na frente.

Quando Falcão adentou as quatro linhas, no entanto, a história mudou. O camisa 12 passou a ditar o ritmo da Seleção, que começou a ter mais posse de bola.

No fim, ainda deu tempo de Falcão fazer mais uma linda jogada na ponta esquerda e servir Dieguinho, que fez o quarto gol. Quando o 4 a 0 parecia sacramentado, Richard tratou de marcar o tento de honra da Colômbia, que termina a competição em alta e com boas chances de surpreender no próximo Mundial, disputado dentro de casa. O Brasil, porém, provou que segue dominante e com o melhor jogador de futsal do planeta.