As atenções da prova do salto com vara na etapa de Zurique da Golden League estavam voltadas para a russa Yelena Isinbayeva, que se recuperou do fracasso no Mundial de Atletismo e registrou o novo recorde mundial (5,06 metros). Mas Fabiana Murer também teve um bom desempenho. A brasileira terminou a prova em terceiro lugar, com 4,71 metros.

Com o resultado, Fabiana Murer realizou a sua reação pessoal em relação a Berlim, quando era uma das esperanças brasileiras de medalha, mas não conseguiu superar o sarrafo de 4,65 metros e ficou apenas na quinta colocação, em uma final de baixo nível técnico. Além de Isinbayeva, a brasileira também ficou atrás da polonesa Anna Rogowska, campeã mundial, que saltou 4,76 metros em Zurique.

Jadel Gregório voltou a decepcionar e terminou a disputa do salto triplo na oitava colocação, com apenas 16,14 metros. No Mundial de Berlim, o brasileiro, que reclamou de dores no joelho, ficou também em oitavo lugar. A etapa de Zurique da Golden League foi vencida pelo português Nelson Évora, que atingiu 17,38 metros no seu melhor salto.