Demitido da seleção argentina em abril, o técnico Edgardo Bauza foi anunciado nesta quinta-feira como o novo treinador da seleção dos Emirados Árabes Unidos. A equipe do Golfo Pérsico sonha com uma vaga na Copa do Mundo da Rússia, no próximo ano.

“Comandar a seleção dos Emirados Árabes é um novo desafio e espero ser bem-sucedido nesta missão”, declarou Bauza, após assinar o contrato. A duração do contrato não foi revelada. O argentino será apresentado oficialmente ainda nesta quinta.

No comando da equipe, o novo treinador terá como missão classificar a seleção ao Mundial da Rússia. Mas a tarefa não é das mais fáceis. Isso porque a equipe dos Emirados Árabes ocupa a quarta colocação do Grupo B das Eliminatórias asiáticas. Somente os dois primeiros colocados entram direto na Copa. O terceiro avançará para outra fase das Eliminatórias em busca da vaga.

Com quatro pontos atrás da Austrália, a terceira colocada, a equipe dos Emirados precisa vencer seus três próximos jogos – contra Arábia Saudita, Iraque e Tailândia – e torcer contra os rivais para ter chances de ir ao Mundial da Rússia.

Bauza, que também já comandou o São Paulo, chega à nova seleção em baixa após ser demitido pela Associação de Futebol Argentino (AFA). Ele deixou o time na quinta colocação das Eliminatórias Sul-Americanas, fora da zona de classificação à Copa – somente os quatro entram direto no Mundial; o quinto colocado disputará repescagem.