O volante Otávio foi apresentado oficialmente nesta terça-feira como novo reforço do Bordeaux. O jogador já realizou exames médicos e assinou um contrato de quatro anos com o clube francês, até junho de 2021, após ser adquirido junto ao Atlético-PR. O brasileiro demonstrou entusiasmo por ter a oportunidade de iniciar uma carreira no futebol europeu.

“O Bordeaux foi o primeiro clube que abriu as portas para mim na Europa. Venho muito motivado e feliz para que possa fazer o meu melhor, mostrar o meu trabalho e sair daqui com as portas abertas, sempre mostrando que tenho qualidade para ajudar o clube da melhor maneira possível. É um clube de tradição na Europa, um clube grande, que teve atletas brasileiros que passaram por aqui. Pretendo ter uma carreira longuíssima na Europa e crescendo com o Bordeaux”, disse.

Em sua apresentação, o volante também comentou sobre a chegada do astro Neymar ao futebol francês. O brasileiro trocou o Barcelona, da Espanha, pelo Paris Saint-Germain, na maior transação financeira da história futebol mundial – foram 222 milhões de euros (cerca de R$ 820 milhões).

“Vim saber da oportunidade de jogar aqui no Bordeaux antes da repercussão pela vinda do Neymar (para o PSG), mas fiquei bastante feliz porque é um atleta visto no mundo inteiro como referência, de uma qualidade indiscutível. Sabemos que vai trazer mais visibilidade para o futebol (francês) e fico feliz de ter mais um brasileiro brilhando aqui na França. Se o PSG tem Neymar, agora o Bordeaux tem Otávio. Sem comparações”, comentou.

Já os detalhes financeiros da venda de Otávio pelo Atlético-PR não foram revelados, mas as informações da imprensa francesa são de que o Bordeaux vai desembolsar 7,5 milhões de euros (R$ 27 milhões) pela aquisição do volante.

Otávio, de 23 anos, só atuou profissionalmente pelo Atlético-PR antes de se transferir ao Bordeaux, onde terá a companhia de outro jogador brasileiro, o atacante Malcom, ex-Corinthians. O time estreou no Campeonato Francês no último fim de semana com um empate por 2 a 2 contra o Angers.