O Paraná Clube confirmou nesta sexta-feira (12) a permanência do gerente de futebol, Marcus Vinícius, no cargo para a próxima temporada.

O dirigente terá a missão de reforçar o elenco do Tricolor com um orçamento mais enxuto em 2015. A tendência é que o clube siga com dificuldades financeiras para o próximo ano.

Em entrevista coletiva, o presidente do clube, Rubens Bohlen, ainda afastou qualquer possibilidade de renunciar ao cargo, como foi especulado nos últimos dias.

“Irei cumprir o meu mandato até o final”, garantiu o mandatário paranista, que não contará mais com o apoio do vice-presidente de futebol Celso Bittencourt, que pediu desligamento do clube no início da semana. Aldo Coser será o responsável pelo cargo.