O treinador Estevam Soares fez mistério sobre a escalação do Botafogo para a partida de quinta-feira contra o Cruzeiro, no Engenhão. Com o corte do zagueiro Eduardo para o jogo, por chegar mais de uma hora atrasado ao treino de quarta-feira, o técnico não revelou sequer o esquema tático que utilizará.

O afastamento de Eduardo pode resultar em oportunidade para Emerson ou Gabriel na zaga. O volante Batista também pode ficar com a vaga, o que deixaria o Botafogo com formação mais ofensiva.

Outra dúvida do treinador é para o sistema ofensivo: Reinaldo pode ganhar uma vaga e formar dupla de ataque com André Lima ou Victor Simões. Poupado nos últimos dois treinos por problemas musculares, o meia Lúcio Flávio também não está confirmado, mas deve jogar.