Os Jogos Olímpicos de Inverno de Sochi conheceram neste sábado a sua primeira tragédia. A esquiadora russa Maria Komissarova sofreu um grave acidente treinando para a sua prova, de esqui estilo livre, foi levada imediatamente a um hospital para ser operada e, segundo oficiais russos, quebrou a coluna vertebral.

Assim que ocorreu o acidente, a Federação Russa de Esqui Estilo Livre emitiu comunicado revelando que Komissarova, de apenas 23 anos, sofreu um “sério” acidente, apesar de não conhecer a natureza da lesão. Após um rápido diagnóstico, os médicos decidiram por realizar a cirurgia no hospital recentemente construído perto da montanha, sem esperar sequer a transferência da atleta para Moscou.

Apesar das inúmeras quedas registradas principalmente nas provas na neve (esqui e snowboard) em Sochi, este é o primeiro acidente grave durante esta edição dos Jogos de Inverno. Em Vancouver (Canadá), quatro anos atrás, o georgiano Nodar Kumaritashvili morreu durante um treino de luge.

A brasileira Lais Souza, ex-ginasta, sofreu um acidente treinando em Salt Lake City, nos Estados Unidos, enquanto aguardava a convocação para disputar os Jogos de Sochi. Ela teve uma lesão na vértebra cervical C3, segue internada nos EUA, agora em Miami, e ainda não mexe braços ou pernas.