A Associação Curitibana de Ginástica Rítmica (Aginarc) sagrou-se campeã por equipe e individual na categoria infantil da Copa Panamericana de Ginástica Rítmica, que está sendo disputada em El Salvador, na América Central.

?Sem o apoio do Provopar, não teríamos sequer viajado para a disputa da competição?, destacou o presidente da associação, Carlos Eduardo Vetromille Ribeiro, que pretende na volta da delegação homenagear a presidente do Provopar Ação Social, Lúcia Arruda, que ?sempre acreditou na seriedade de nosso trabalho?, acrescentou.

No individual, o título foi conquistado pela atleta Maria Caroline, sendo que Gabriela Gulin, também da Aginarc, ficou em segundo lugar. Na opinião da técnica Simoni Valente Ribeiro, a excelente performance da equipe curitibana deve-se principalmente aos esforços das atletas, que ?se submeteram a um exaustivo treinamento, inclusive nos domingos e feriados?.

A Copa Panamericana de Ginástica Rítmica contou com a participação de cerca de 400 atletas de 15 países. A Aginarc esteve representada por cinco atletas, pela técnica Simoni e pela arbitra internacional Lígia Gonçalves, de Umuarama. Este foi o segundo título internacional conquistado pela equipe paranaense. Em 2003, a Aginarc foi campeã do Torneio Internacional da África do Sul, em Stalleibash.

A Aginarc começou a participar das competições em 2001, quando sagrou-se campeã paranaense juvenil em Curitiba e medalha de bronze no Campeonato Brasileiro disputado em Aracaju (SE), quando teve duas atletas pré-convocadas para a Seleção Brasileira. No ano seguinte, a equipe conquistou o título do paranaense adulto disputado em Curitiba.

Em 2003, a Aginarc, além de conquistar o torneio internacional da África do Sul, foi campeã paranaense pré-infantil de conjuntos. Em 2004, depois de conquistar o título paranaense, a equipe Curitiba sagrou-se campeã brasileira e da Liga Nacional pré-infantil e juvenil. No ano de 2005, a Aginarc ganhou o torneio nacional em Blumenau (SC), os Jogos da Juventude do Paraná e conquistou os títulos nacional mãos livres (Salvador) e pré-infantil (Natal-RN).

Em 2006, foram conquistados os títulos paranaenses infantil e pré-infantil e a Copa de Estreantes, em Araucária. Este ano, a Aginarc venceu o IX Torneio Nacional, em Guarujá (SP) e foi vice-campeã brasileira infantil em Vitória (ES). A boa performance da equipe valeu a convocação da técnica Simoni Valente Ribeiro para ser auxiliar técnica da Seleção Brasileira, nos Jogos Panamericanos, no Rio de Janeiro.

Carlos Eduardo Vetromille Ribeiro conta que a associação só conseguiu participar desses torneios por causa de algumas parcerias importantes, como o Provopar e a Faculdade Santa Cruz. ?Eles sabem que a gente faz um trabalho bem feito, dando oportunidade para crianças que nunca teriam condições de praticar este esporte. Hoje, contamos com mais de 120 crianças em nossas escolinhas?, concluiu.