À espera da eleição do Santos, Enderson Moreira cobrou nesta sexta-feira uma rápida definição quanto ao seu futuro no time. O técnico, que já demonstrou interesse em seguir no clube, espera que sua saída ou permanência na equipe seja decidida pelo vencedor das eleições até segunda-feira. O pleito, com cinco candidatos, será realizado neste sábado.

“Quanto antes houver a definição, melhor”, afirmou o treinador, que não tem a preferência de todos os candidatos. Um deles, Orlando Rollo, já avisou que mudaria toda a diretoria de futebol do clube caso seja eleito. Os demais não se pronunciaram sobre a eventual permanência de Enderson.

“Eu gostaria de ficar, estou adaptado à cidade, ao clube, tenho uma ideia muito fixa do que é necessário [fazer no clube]. Fiz várias observações no período e gostaria muito de montar o Santos de acordo com o que eu acho interessante”, declarou Enderson. “Não fico fazendo projeções, mas o quanto antes houver a definição, melhor para o Santos”, reforçou.

Na sua avaliação, o Santos está perdendo tempo por adiar a definição do treinador e a contratação de jogadores, em razão das eleições. “Acho que o Santos está perdendo um tempo precioso. Respeitamos a eleição, mas muita coisa poderia ser antecipada. E quem sai na frente bebe água limpa. Tem condições de contratar bons jogadores por valores bem menores e ter uma equipe. O Santos tem uma base montada e boa, mas que precisa de acertos”, ponderou.

Independente de seguir no clube, o treinador afirmou que pretende se reunir com o futuro presidente santista para passar suas avaliações sobre mudanças necessárias na equipe. O time sofreu diversas críticas da torcida nos últimos meses por causa das campanhas pífias na Copa do Brasil e no Campeonato Brasileiro.

“Quero mostrar para o próximo presidente e gestores aquilo que observo e observei no time. Este é o caminho. Uma coisa importante é saber o que está acontecendo com o que o Santos tem. Nesse momento é uma coisa muito incerta, estamos caminhando para um lado, estamos muito atentos a tomar essas decisões”, declarou.

Questionado sobre uma possível transferência para outro clube, Enderson desconversou. Fez elogios ao Fluminense, time alvo de boatos sobre uma possível contratação do técnico, e garantiu o foco no Santos.

“Não fui procurado [pelo time carioca]. Tenho contrato com o Santos. Se eles não desejarem a continuidade, ficamos abertos para o mercado. É um grande clube, com grandes jogadores, mas o meu foco agora é o Santos, onde estou pensando, tendo uma expectativa para que possamos dar continuidade e caminhar”, afirmou.