Embalado pela vitória sobre o Coritiba no meio de semana, principalmente por causa da atuação do jovem Hyuri, de 21 anos, o Botafogo tem um jogo complicado neste domingo, às 18h30, contra o Criciúma, no estádio Heriberto Hülse, em Criciúma (SC), pela 19.ª rodada do Campeonato Brasileiro. Isso porque o adversário também vem motivado para o confronto, pois derrotou o São Paulo por 2 a 1, no Morumbi, na última rodada.

A favor do Criciúma pesam ainda outros fatores: joga ao lado de sua fanática torcida e seu adversário não vai poder contar com o líder Seedorf, referência do time alvinegro – ele vai cumprir suspensão pelo terceiro cartão amarelo. O craque holandês pode ceder a vaga para Octávio, também revelado pelo clube, ou para o veterano Renato, de 34 anos.

 

O Botafogo também estará desfalcado dos goleiros Jefferson, com a seleção brasileira, e de seu substituto imediato, Renan, expulso contra o Coritiba. Por isso, a opção de Oswaldo de Oliveira deve ser Milton, de 22 anos, um goleiro formado nas categorias de base. Ele foi muito exigido no treino da última sexta-feira, no campo anexo do Engenhão.

 

Esta poderá ser a primeira partida como titular de Milton no Brasileirão deste ano. Contra o Coritiba, ele entrou no segundo tempo, depois da expulsão de Renan, e não comprometeu, embora tenha saído mal em um cruzamento quando o adversário esboçava uma reação e por pouco seu não time não sofreu o segundo gol – o clube alvinegro venceu por 3 a 1.