Em clima de revanche, as tenistas do Brasil derrotaram o Paraguai neste sábado, na final do Grupo 1 do Zonal Americano, e avançaram aos playoffs do Grupo Mundial II. Liderado por Beatriz Haddad Maia, o time nacional bateu as paraguaias por 2 a 0, no saibro do Club Campestre, em Medellín, na Colômbia.

Carol Meligeni abriu o confronto impondo forte vitória sobre Montserrat Gonzalez por 2 sets a 0, com parciais de 6/3 e 6/2, em 1h07 de partida. Em seguida, Bia Haddad bateu a amiga Veronica Cepede por 6/2 e 6/3, com a mesma duração da partida anterior.

Os triunfos coroaram a grande campanha das brasileiras na Colômbia nesta semana. Elas venceram todos os confrontos, de quarta até este sábado, superando Chile, Porto Rico e Argentina. E, na final, devolveram a derrota sofrida para o Paraguai no ano passado para conquistarem o título desta seletiva continental da Fed Cup.

O maior destaque do Brasil foi Carol Meligeni, que jogou pela primeira vez uma partida de simples na Fed Cup e venceu os quatro jogos que disputou. “Estou muito contente com a nossa semana, com a conquista. Acho que nosso time merecia muito. Estávamos unidas desde o começo, sabíamos que seria duro, era um grupo complicado, aqui tem altitude, mas deu para nos adaptarmos bem”, afirmou a número 2 do País, sobrinha de Fernando Meligeni.

Os confrontos desta semana marcaram a estreia da capitã Roberta Burzagli, que substituiu Fernando Roese. “Estou muito feliz. Foi muito especial, pois tínhamos perdido para o Paraguai no ano passado, jogando bem. Mas desta vez a união fez a diferença. Passamos por dificuldades durante a semana, mas todas as vezes conseguimos reverter, fomos nos unindo e ficando mais fortes”, comentou.

“Esperávamos um confronto até mais duro hoje, de repente uma decisão nas duplas, mas as meninas jogaram super bem, tanto a Carol quanto a Bia. Tinha o nervosismo dos dois lados, mas eu tentei focar as meninas na hora da virada de quadra, para elas pensarem na tática e não na contagem dos pontos, e elas responderam super bem, jogaram muito bem e ganhamos de 2 a 0, 24/10”, avaliou Roberta Burzagli.

A equipe brasileira contou ainda com Luisa Stefani, Gabriela Cé e com a jovem Thaísa Pedretti, de 19 anos, que esteve com o time para ganhar experiência.

Com a presença de oito times, os playoffs do Grupo Mundial II serão disputados entre os dias 20 e 21 de abril.