O Goiás parece finalmente ter encontrado seu caminho na Série B do Brasileiro. Contando com as estreias dos experientes Marcinho Guerreiro, Alan Bahia e Iarley, além do técnico Márcio Goiano, o time goiano não decepcionou seus torcedores e goleou o Vitória por 4 a 1, na noite desta sexta-feira, no Estádio Serra Dourada, em Goiânia, pela 11ª rodada do campeonato.

Apesar de ter saído atrás do marcador, o Goiás manteve a calma e conseguiu chegar à virada. O resultado positivo afastou o time goiano da zona de rebaixamento – se encontra agora na 14ª colocação, com 12 pontos. Enquanto isso, o Vitória perdeu a chance de entrar no G4 (o grupo dos quatro melhores do campeonato), continuando com 17 pontos, na sexta posição.

Mesmo jogando no Serra Dourada, foi o Vitória quem abriu o placar. Aos dez minutos, Neto Baiano aproveitou cruzamento de Uelliton e cabeceou com força. Mas o Goiás não demorou muito para chegar ao empate. Após bola cruzada por Diniz, Guto subiu mais que todo mundo e balançou as redes de Felipe Alves aos 16.

Quando o time baiano era melhor em campo, os donos da casa viraram aos 29 minutos. Carlos Alberto recebeu grande passe de Diniz e soltou uma bomba. Mais tranquilo e contando com o apoio dos torcedores, o Goiás ainda marcou o terceiro gol em cobrança perfeita de falta do estreante Alan Bahia, no ângulo do goleiro adversário.

Diferente do início, a etapa final praticamente não teve lances de perigo. O Vitória assustou apenas aos 36 minutos, quando Neto Baiano recebeu na entrada da área e bateu pela linha de fundo. Nos acréscimos, Douglas cobrou falta com perfeição e acertou o ângulo de Felipe Alves, marcando o quarto do Goiás e fazendo a festa dos quase 15 mil torcedores que compareceram ao Serra Dourada.

O Goiás volta a campo na próxima terça-feira, quando visita o Americana pela 12ª rodada da Série B. Já o Vitória joga apenas no dia 23 de julho, diante da líder Portuguesa em Salvador.

FICHA TÉCNICA:

Goiás 4 x 1 Vitória

Goiás – Harlei; Douglas, Rafael Tolói, Ernando e Marcão; Marcinho Guerreiro, Carlos Alberto, Alan Bahia e Diniz (Amaral); Iarley (Tardelly) e Guto (Johnathan). Técnico – Márcio Goiano.

Vitória – Felipe Alves; Léo, Maurício, Alison e Fernandinho; Zé Luís, Uelliton (Felipe), Neto Coruja (Xuxa) e Geovani; Marcelo (Edson) e Neto Baiano. Técnico – Geninho.

Gols – Neo Baiano, aos 10, Guto, aos 16, Carlos Alberto, aos 29, e Alan Bahia aos 33 minutos do primeiro tempo; Douglas, aos 46 minutos do segundo tempo.

Árbitro – Vinícius Costa da Costa (RS).

Cartões amarelos – Uelliton, Rafael Tolói, Marcão, Marcinho Guerreiro, Alison e Léo.

Renda – R$ 29.639,00.

Público – 14.867 pagantes.

Local – Estádio Serra Dourada, em Goiânia.