Com uma importante lesão de última hora, o Coritiba tenta não alterar a sua estratégia para enfrentar o Sport neste domingo, às 18 horas (de Brasília), no estádio da Ilha do Retiro, no Recife, pela 31.ª rodada do Campeonato Brasileiro.

Em sua entrevista coletiva na última sexta-feira, o técnico Marcelo Oliveira havia antecipado que poderia escalar Baumjohann como titular neste domingo. Mas o meia alemão sentiu um desconforto muscular no mesmo dia e sequer viajou ao Recife para enfrentar o Sport.

O treinador conta ainda com outros importantes desfalques no sistema ofensivo: os atacantes Kleber, que até retornou aos treinos após se recuperar de contusão, mas ainda não se sente confiante para atuar; e Neto Berola, vetado depois de sofrer um entorse no tornozelo. A boa notícia fica pelo retorno de Tiago Real, que estava suspenso no empate contra o Vasco. E para a vaga de Baumjohann, Iago Dias deve ser escalado – Matheus Galdezani e Rafael Longuine, assim, vão para o banco de reservas.

Penúltimo colocado com apenas 32 pontos, o Coritiba precisa minimizar os desfalques e se manter organizado para escapar do rebaixamento, conforme orienta o treinador. “Não dá pra vencer de qualquer jeito. Tem que ter uma estratégia, organização, controle emocional, fazer um jogo intenso e competitivo porque só assim conseguiremos a vitória lá”.