Elite do ciclismo abre a temporada 2006 em Interlagos

São Paulo (AE) – A Copa América é a prova de abertura da temporada do ciclismo nacional. Costumeiramente realizada em janeiro, tem como atrativo a presença de brasileiros que competem no exterior e fazem por aqui os treinos de pré-temporada.

Se na elite feminina o destaque vem da família Fernandes, no masculino as atenções estarão voltadas para Murilo Fischer, campeão do circuito europeu em 2005 e considerado o melhor ciclista brasileiro da atualidade.

A prova feminina, com 100 competidoras e prêmio de R$ 2,5 mil para a vencedora, será disputada às 8h. Já a prova masculina, que terá a presença de 200 atletas, tem largada às 9h40 (Globo). O campeão levará o prêmio de R$ 5 mil.

Família do pedal

Um verdadeiro clã do ciclismo estará hoje, a partir das 8h, em ação na pista do Autódromo de Interlagos, em São Paulo. Nada menos do que 10 integrantes da família Fernandes, de Goiânia, participarão da 6.ª Copa América de Ciclismo. Os membros mais notáveis são as irmãs Janildes e Clemilda, além da prima Uênia, as três correm por equipes italianas e desde 2003 se revezam no lugar mais alto do pódio da competição.

Quem explica esse verdadeiro fascínio da família pelas bikes é Clemilda, 26 anos, a mais velha das três. "Tudo começou com o Neilson (que estará na elite masculina), nosso irmão mais velho. Ele começou a correr, lá em Goiânia, e influenciou o resto do pessoal", lembra a atleta da equipe italiana Chirio Forno d’Asolo, campeã da Copa América em 2003.

Neilson e o primo Ronei, irmão de Uênia, estarão na elite masculina da Copa América. Na elite feminina, mais duas Fernandes: Sandra, 15 anos, e Márcia, de 14, irmãs mais novas de Clemilda e Janildes. Márcia, pelo visto, é a mais nova promessa. Na Copa da República, disputada em dezembro, subiu ao pódio na 5.ª colocação. "Ela tem uma gana muito grande e com certeza é um dos fenômenos da família." Tanto que ela e Sandra já receberam o convite de uma equipe júnior da Itália.

De clã a time

Foi na Copa da República, disputada em Brasília no dia 11 de dezembro, que pela primeira vez apareceu o nome do Clube Fernandes de Ciclismo. De agora em diante, todos os membros da família defenderão um time que teve origem no amor pelos pedais.

Voltar ao topo