A seleção do Egito, anfitriã do Mundial Sub-20, foi eliminada nesta terça-feira pela Costa Rica, nas oitavas de final da competição. Mesmo atuando em casa, os egípcios deram adeus à competição, ao serem derrotados por 2 a 0 pelos costa-riquenhos, no Cairo.

O primeiro gol da partida foi marcado pelo defensor José Mena, aos 21 minutos do primeiro tempo, de cabeça. Com maior posse bola, os egípcios ainda tentaram o empate a todo custo, mas esbarram na defesa da Costa Rica. Aos 42 do segundo tempo, o atacante Marcos Ureña ampliou, após receber passe de Diego Estrada na grande área, decretando a vitória costa-riquenha.

No outro jogo da rodada, a Hungria garantiu vaga nas quartas de final, ao vencer a República Checa nos pênaltis, após empate por 1 a 1 no tempo regulamentar e novo empate por 1 a 1 na prorrogação. Mate Kiss fez 1 a 0 para o húngaros, aos 15 minutos de jogo, e o atacante Jan Vosahlik empatou ainda no primeiro tempo.

Na prorrogação, Michael Rabusic marcou primeiro para os checos, aos dois minutos do tempo extra. Mas o capitão Vladimir Koman empatou para a Hungria na sequência. A classificação húngara veio apenas no pênaltis. Balajti decretou a vitória por 4 a 3, após seis cobranças para cada lado.

Nas quartas de final, a Costa Rica jogará contra o vencedor do confronto entre Venezuela e Emirados Árabes Unidos. Já a Hungria pega a Itália, que eliminou a Espanha, na próxima fase do Mundial Sub-20.