O Corinthians apresentou nesta terça-feira seu primeiro contratado após a conquista da vaga na Libertadores de 2010. O meio-campista Edu, revelado pelo clube, volta à equipe depois de oito anos no futebol europeu. Em sua chegada, o jogador foi modesto e evitou falar em vaga entre os titulares.

“Não projeto nenhum tipo de briga. Gostaria de ressaltar o grande trabalho do Cristian e do Elias e desejo que eles continuem assim, nesse mesmo nível. Eu venho para agregar valor. O Corinthians grande é quanto disputa várias competições e pode jogar bem em cada competição. É importante ter três ou quatro jogadores em cada posição para jogar bem sempre”, disse o jogador.

Edu deixou o Corinthians em 2001, para jogar no Arsenal. Depois de boa passagem pelo clube inglês – apesar de várias lesões -, ele foi para o Valencia, onde passou as últimas quatro temporadas do futebol europeu. O jogador disse ter se impressionado com a estrutura que encontrou em seu retorno ao clube paulistano.

“Voltar ao Corinthians e encontrar o clube nessa situação pra mim é uma alegria enorme. Eu não tinha noção de tamanha mudança no clube. Hoje vejo um time vitorioso, um grupo que não tem problemas, e em que os jogadores são amigos”, afirmou Edu.

O meio-campista afirmou que sua principal posição é a de segundo volante, a mesma que desempenhou no início de sua carreira, mas disse que pode mudar a forma de atuar se necessário. “Joguei de segundo volante e assim que gosto de jogar. Mas estou aberto para receber ordens, se o Mano encontrar uma característica e me quiser em outra posição, estou pronto para ajudar”, disse.

Edu só poderá jogar no Corinthians em agosto, quando começa a janela de transferências. Ele afirmou que está em boas condições físicas, e poderá estrear pelo clube assim que sua situação fique legalizada.