O técnico Ricardo Drubscky participou nesta segunda-feira (27) da entrevista coletiva na sala de imprensa do CT do Caju, antes da viagem para Paranaguá, local da partida contra o Joinville, nesta terça-feira (28).

O comandante rubro-negro analisou o rendimento dos jogadores, falou sobre o segundo turno do Campeonato Brasileiro da Série B e confirmou que a escalação que enfrentará o Joinville deverá ser a mesma que derrotou o Paraná Clube no último sábado (25).

“A tendência é repetir a mesma equipe. Temos uma dúvida em relação ao Devid, que está com dores no joelho. Hoje temos um treino em Paranaguá e veremos isso”, disse o treinador, confirmando que, caso seja necessário, Derley entra na vaga do volante atleticano.

Drubscky afirmou que as quatro vitórias seguidas vieram graças a um esforço coletivo e explicou que seu método de trabalho é baseado em intensos treinos. “Eu me considero um componente nesse contexto, que é o de comandante e treinador. Escalo e treino o time, com o auxílio de vários profissionais do clube. É um conjunto bom. Tenho um formato particular de trabalho, que é priorizar os treinos para que a equipe continue evoluindo”.

Sobre o início do segundo turno, contra o Joinville, na terça-feira (28), o treinador mostrou estar animado com a “nova competição”. “É um turno que começa e temos como objetivo ganhar todas partidas. É um campeonato novo e vamos com muita energia. Vamos estar mais alertas e atentos para a competição”.

O treinador atleticano aproveitou a coletiva para elogiar o empenho do elenco. “O nosso psicólogo, Gilberto Gaertner, apresentou um gráfico que mostra o nível de vigor e dedicação do grupo. E a avaliação é de que todos estão dentro dos parâmetros de muito bom. Isso mostra a dedicação de todos”.

No fim, Drubscky contou que não gosta de analisar a equipe por setores, mas sim em um todo. “Quando uma equipe está se consolidando, a tendência é ter força defensiva bem montada. Eu prefiro analisar a equipe como um todo. Nós sempre treinamos o modo de jogar. Procuramos colocar vários elementos no treinamento para a equipe treinar como uma só. Vejo sempre defesa, meio e ataque em um contexto todo”, finalizou.