Em meio às críticas ao comportamento extracampo e ao desempenho nos gramados de Ronaldinho Gaúcho, veio à tona nesta terça-feira a informação de que sua mãe, dona Miguelina, passa por um grave problema de saúde. Irmão e empresário do craque do Flamengo, Roberto Assis confirmou a notícia e lamentou a exposição do caso.

“É uma história que estava bem fechada. É um problema familiar e pronto”, disse Assis. “Minha mãe não tem que passar por isso. Não sei se ela está preparada para esse burburinho todo”, reclamou o empresário, que também já foi jogador.

Assis refutou, no entanto, que a má fase de Ronaldinho Gaúcho tenha qualquer ligação com o fato. Depois do empate com o Sport, sábado, na estreia no Campeonato Brasileiro, o astro criou desconforto com técnico Joel Santana ao analisar o esquema tático da equipe do Flamengo.

“Começam a escrever coisas que não existem. Você viu o Ronaldo chorando em algum momento? Viu algum comportamento diferente dele?”, perguntou Assim. “É algo familiar, não tem nada a ver com profissional. Não existe isso de cobrar mais ou cobrar menos dele por esse ou aquele motivo.”

Depois de um treino físico na manhã desta terça-feira, na Gávea, Joel conversou isoladamente por poucos minutos com Ronaldinho Gaúcho, que deixou o campo sorridente após o rápido papo. Na parte da tarde, também na sede do clube, um torcedor tentou estender uma faixa cobrando o jogador, mas a segurança interveio e evitou o protesto.