O Cruzeiro vai ter o reforço de Diego Souza para enfrentar o Guarani, de Divinópolis, neste domingo, na Arena do Calçado, em Nova Serrana, pela segunda rodada do Campeonato Mineiro. Isso porque o nome do meia finalmente apareceu no Boletim Informativo Diário (BID) da CBF, deixando ele apto a fazer a sua estreia com a camisa celeste.

Contratado no fim do ano passado, o jogador estava sem poder atuar porque o Al-Ittihad, da Arábia Saudita, não queria liberar sua documentação. Na terça-feira de carnaval, o Cruzeiro foi autorizado pela Fifa a registrar o contrato firmado com o jogador na CBF.

Diego Souza rompeu o seu contrato com o Al-Ittihad no ano passado, alegando falta de pagamento dos salários. O meia também levou o caso para a Fifa. Por outro lado, o clube árabe alega que o jogador não cumpriu seu contrato. Assim, não houve acordo entre as partes e a questão ficou sub judice.

Para poder utilizar Diego Souza, o Cruzeiro acionou a Fifa, que liberou o jogador para exercer as funções de jogador enquanto não se resolve o impasse. Com isso, o clube mineiro aguardava apenas o registro no BID, que precisava acontecer até às 19h desta sexta para que ele pudesse enfrentar o Guarani. Seu contrato vai até 2016.

Diego Souza será titular domingo, tirando a posição de Ricardo Goulart. Luan, ex-Palmeiras, também foi regularizado, mas ficará no banco de reservas para Dagoberto fazer sua primeira partida como titular.