Após uma sequência de cinco jogos em apenas 15 dias, o São Paulo tem uma semana cheia antes de enfrentar o Avaí, no sábado, pelo Campeonato Brasileiro. Os planos de Cuca, porém, foram frustrados por conta de desfalques durante os treinos.

Hernanes foi liberado pelo São Paulo para viajar à Itália por conta de um problema de saúde do filho Ezequiel, que mora lá com a mãe. O jogador tem retorno previsto para sexta-feira e é dúvida para a partida contra o Avaí. Na última quarta, ele agradeceu aos fãs pelas mensagens de apoio e disse que o filho está em “pronta recuperação”.

Os últimos treinos ainda contou com outro desfalque: Tchê Tchê, que sente dores musculares e será reavaliado nesta quinta-feira para saber se terá condições de enfrentar o Avaí. Ele fez trabalhos internos no CT da Barra Funda nos últimos dias.

Sem a dupla, Cuca comandou um coletivo na última quarta-feira para dar mais entrosamento ao time. A atividade foi fechada à imprensa, e o São Paulo divulgou informações por meio do seu site oficial.

A preparação para enfrentar o Avaí teve início na terça, quando o elenco se reapresentou após folga na segunda. A maioria dos titulares da partida contra o Cruzeiro realizou trabalhos leves.

O São Paulo tem mais dois dias de trabalhos. O elenco volta a treinar na tarde desta quinta-feira, no CT da Barra Funda, e faz a última atividade na sexta antes de viajar para Florianópolis.

Com as dúvidas, uma provável escalação do São Paulo tem: Tiago Volpi; Hudson, Bruno Alves, Anderson Martins e Reinaldo; Luan, Willian Farias (Jucilei) e Igor Gomes; Vitor Bueno (Everton), Toró e Alexandre Pato.