Jogar sem três astros pode significar uma derrota quase certa para várias equipes da NBA. Não para o San Antonio Spurs. Sem Kawhi Leonard, Tony Parker e Pau Gasol, o Spurs encontrou uma maneira para superar o Toronto Raptors por 108 a 106, fora de casa, na noite de terça-feira, obtendo a quinta vitória consecutiva.

O último período do duelo teve oito mudanças na liderança do placar. E no estouro do cronômetro, Norman Powell errou um arremesso de três pontos que daria a vitória ao Raptors. Assim, o San Antonio completou a sua “varrida” diante do Raptors nesta temporada. Antes, havia superado os canadenses por 110 a 82 no Texas, no começo de janeiro.

LaMarcus Aldridge liderou o Spurs com 21 pontos, enquanto que Patty Mills marcou 18 saindo do banco de reservas e outro reserva, Davis Bertans, contribuiu para o triunfo com 12.

O Spurs melhorou a sua campanha para 36 vitórias e nove derrotas, seu terceiro melhor registro após 45 encontros. Nas temporadas 2010/2011 e 2015/2016, ostentou um recorde de 38 vitórias. O time, que ocupa o segundo lugar na Conferência Oeste, soma 20 vitórias e quatro derrotas como visitante, sendo apenas a oitava equipe na história da NBA a alcançar tal desempenho nos seus 24 primeiros compromissos fora dos seus domínios.

Kyle Lowry marcou 30 pontos e o suplente Terrence Ross anotou 21 pelo Raptors, que sofreu a sua quarta derrota seguida, algo que não ocorria desde 2015. O brasileiro Lucas Bebê teve boa atuação pelo time canadense, o segundo melhor da Conferência Leste, com dez rebotes, seis pontos e uma assistência nos 25 minutos em que ficou em quadra.

OUTROS JOGOS – O Washington Wizards assegurou a 14ª vitória seguida como mandante ao superar o Boston Celtics por 123 a 108, na noite de terça, com 31 pontos de Bradley Beal, sendo 13 no quarto período. John Wall anotou 27 pontos e Markieff Morris somou 19, além de ter capturado 11 rebotes pelo Wizards, que nunca esteve atrás no placar e teve a sua maior produção ofensiva nesta temporada.

Isaiah Thomas anotou 25 pontos e deu 13 assistências, mas só acertou um de sete disparos de quadra no último quarto, não conseguindo evitar a terceira derrota seguida do Boston, o terceiro colocado do Leste, duas posições à frente do Wizards. Al Horford fez 22 pontos e Jae Crowder somou 19.

Naquela que pode ser considerada a sua mais importante vitória nesta temporada, o Philadelphia 76ers superou o Los Angeles Clippers por 121 a 110, em casa, mesmo sem poder contar com Joel Embiid, lesionado. Nerlens Noel anotou 19 pontos e Richaun Holmes contribuiu com 18 para o time da Filadélfia, que chegou a estar perdendo por uma diferença de 19 e está em antepenúltimo lugar no Leste.

Sem jogar desde 18 de dezembro, Blake Griffin teve retorno discreto ao Clippers, tendo anotado 12 pontos ao acertar somente três de 11 arremessos de quadra pelo quarto colocado Oeste.

O Chicago Bulls assegurou a segunda vitória consecutiva ao superar o Orlando Magic por 100 a 92, em casa, com 21 pontos de Dwyane Wade e 20 de Jimmy Butler. Já o brasileiro Cristiano Felício conseguiu um “double-double” com 12 pontos e dez rebotes nos 20 minutos em que ficou em quadra pelo oitavo colocado do Leste. Nikola Vucevic fez 20 pontos pelo Magic, que perdeu 11 dos últimos 14 duelos e está em 12º lugar na mesma conferência.

Fora de casa, o Minnesota Timberwolves superou o Phoenix Suns por 112 a 111. Leandrinho obteve um rebote nos quatro minutos em que jogou pelo time do Arizona. No outro duelo da rodada, o Denver Nuggets superou o Utah Jazz por 103 a 93, em casa.

Confira os jogos da rodada de quarta-feira da NBA:

Cleveland Cavaliers x Sacramento Kings

Boston Celtics x Houston Rockets

Brooklyn Nets x Miami Heat

Chicago Bulls x Atlanta Hawks

Milwaukee Bucks x Philadelphia 76ers

Memphis Grizzlies x Toronto Raptors

New Orleans Pelicans x Oklahoma City Thunder

Charlotte Hornets x Golden State Warriors

Dallas Mavericks x New York Knicks

Portland Trail Blazers x Los Angeles Lakers