Juan Martin Del Potro deixou a Argentina mais perto da classificação para a final da Copa Davis ao vencer Nikolay Davydenko por 3 sets a 0, com parciais de 6/1, 6/4 e 6/2. Com o resultado, a Argentina lidera o duelo com a Rússia por 2 a 0 e precisa de apenas mais uma vitória para se garantir na decisão.

Contando com o apoio da torcida, Del Potro conseguiu duas quebras de serviço logo no início do primeiro set e venceu a disputa com facilidade por 6/1. O segundo set foi muito equilibrado e tenso, com Del Potro discutindo com a arbitragem. Mas o argentino venceu novamente por 6/4.

No terceiro set, Del Potro conseguiu abrir vantagem logo no início da disputa e apenas administrou a vantagem, fechando o jogo com 6/2.

A disputa entre Argentina e Rússia prossegue neste sábado com o jogo de duplas. Agustín Calleri e Guillermo Cañas enfrentam Dmitry Tursunov e Igor Kunitsyn. O vencedor do confronto vai enfrentar Espanha ou Estados Unidos na final da Copa Davis.