O técnico Vicente Del Bosque fez elogios ao futebol da Nigéria, neste domingo, e admitiu que a umidade de Fortaleza também atrapalhou a seleção espanhola, na última rodada da fase de grupos da Copa das Confederações.

“A umidade daqui é impressionante, mas eu acho que os dois times têm muitos jogadores habilidosos que controlaram o jogo”, afirmou o treinador, ao justificar a queda de ritmo da Espanha no final do primeiro e do segundo tempo. “Controlar o jogo significa conservar energia”.

Del Bosque também atribuiu a dificuldade encontrada pela Espanha no primeiro tempo ao bom futebol da Nigéria. “Eles têm um estilo muito dinâmico de jogar. Eles realmente vieram para vencer. Foram excelentes rivais. Tornaram a partida bem difícil. Equilibraram a posse de bola. Mas, no segundo tempo, conseguimos controlar melhor a partida”.

Para o treinador, a capacidade espanhola de dosar os ataques e a posse de bola foram decisivas para a vitória. “É importante ter essa medida certa entre pausas e acelerações. Não é possível jogar no calor por 90 minutos no mesmo ritmo. E foi maravilhoso ver que a equipe soube dar os tempos certos”, comentou.

Em relação à semifinal, cujo adversário será a Itália, Del Bosque espera que os rivais vão entrar em campo em busca da revanche, depois da derrota na final da Eurocopa de 2012. “Para nós está colocado o desafio de chegar à final. Para a Itália, da mesma forma, e a partida decisiva da Eurocopa ainda está fresca na memória, o que desperta uma aura de revanche”, afirmou.

O técnico evitou fazer projeções sobre a partida. E se esquivou das perguntas sobre a escalação. A imprensa espanhola cogita o retorno do atacante Fernando Torres ao time titular, na vaga de Soldado, depois da boa atuação neste domingo. Soldado desperdiçou várias chances de gol, enquanto Torres marcou logo ao entrar em campo, no segundo tempo.

“O Soldado fez o trabalho dele, da mesma forma que o Torres. E, se o Soldado perdeu dois gols, foi porque se colocou em situação de receber a bola daquela forma. No momento, estou contente com os dois”, disse o técnico.