A enfermaria do Fluminense está lotada – o que não necessariamente é novidade. Depois de Rodriguinho e Araújo sofrerem estiramento de grau um na coxa direita, nesta terça-feira foi a vez de Deco receber o mesmo diagnóstico.

Um exame de imagem realizado nesta terça verificou que o problema não é tão grave quanto temiam os médicos tricolores. Mas a previsão inicial é de que Deco só volte a campo em, no mínimo, 10 dias. Esse prazo, porém, pode se ampliar por causa do histórico de lesões do meia.

Assim, são muitos os desfalques que o técnico Abel Braga terá de lidar para a partida de sábado, contra o Bahia. Ele também não terá à disposição o zagueiro Leandro Euzébio, com uma inflamação no joelho direito.

“Tivemos três lesões em poucos dias. Isso merece uma atenção especial, sim. Todo atleta de alto rendimento está sujeito a isso. Mas a parte física, além do trabalho de condicionamento, também precisa ajudar a prevenir as lesões. Sabemos que elas vão continuar acontecendo, mas faremos de tudo para que em menor proporção”, comentou o preparador físico Cristiano Nunes.

Para o ataque, menos mal que a situação burocrática de Ciro foi resolvida e o atacante deve ter condições de jogar ao lado de Fred. O reforço será oficialmente apresentado na quarta-feira à tarde. Na zaga, Márcio Rosário é o mais cotado para jogar.