Suspenso na última partida após levar o terceiro cartão amarelo, Rafael Sóbis está de volta ao time titular do Cruzeiro para enfrentar o Botafogo neste domingo, às 16 horas, no estádio do Mineirão, em Belo Horizonte, pelo Campeonato Brasileiro. O atacante acredita que a força do clube em casa pode fazer a diferença no duelo e que a goleada por 5 a 2 aplicada na Copa do Brasil não deve ser levada como parâmetro.

“Temos que entender que o que aconteceu na Copa do Brasil ficou para trás. Agora é outro campeonato, o Botafogo é uma equipe muito difícil, que está em ascensão na competição e tem bons jogadores. Eles estão almejando objetivos maiores no campeonato. Para nós, esse é mais um jogo de seis pontos, um confronto direto e esperamos poder fazer valer a força dentro da nossa casa. Nosso time voltou a jogar bem e voltou a ser respeitado em casa”, comentou o atacante ao site oficial do clube.

Rafael Sóbis aproveitou para elogiar o desempenho dos atacantes do Cruzeiro. Quando ficou fora da partida contra o tradicional rival América-MG, ele deu lugar a Rafinha, mas foram Arrascaeta e Ábila que marcaram os gols que garantiram o 2 a 0.

“Todos os jogadores estão bem. O Rafinha quando jogou, o Alisson que entrou no último jogo, isso é fruto de muito trabalho, são jogadores muito inteligentes e que querem sempre melhorar, jogadores que sempre procuram assimilar o que pede o treinador, não só na parte ofensiva, mas na parte defensiva todos têm as suas funções e também o fato de ter que se reinventar. O fato dos outros times verem o nosso vídeo, faz com que a gente esteja sempre melhorando e vamos em um bom caminho, esperamos seguir assim, ajudando a equipe nos próximos três meses”, acrescentou.

O atacante aproveitou para pedir o apoio dos cruzeirenses nas arquibancadas do Mineirão. “A nossa torcida é um jogador a mais em campo, espero que ela vá em bom número. A situação ainda é delicada, é claro que já estamos vendo um horizonte melhor, mas precisamos seguir pontuando e a torcida será fundamental”, comentou.

Após momentos de crise e um flerte com a zona de rebaixamento no primeiro turno do Brasileirão, o Cruzeiro ocupa a 12.ª posição na tabela de classificação, com 29 pontos. Já o Botafogo, que passou por situação semelhante, é o 10.º com 32.