O técnico Cuca avaliou que a vitória do Atlético Mineiro por 1 a 0 sobre o Corinthians, domingo, no Estádio Independência, pela segunda rodada do Campeonato Brasileiro, mostrou que a equipe tem qualidade para ir longe na competição. Para minimizar os desfalques do adversário, que poupou três titulares, o treinador lembrou que está com seis jogadores contundidos no seu elenco e, assim, o time precisou mostrar força para superar os problemas e triunfar.

“São dois times grandes, eles tiveram três jogadores que não vieram, mas o Corinthians tem um elenco muito forte e eu tive seis jogadores de nível de titularidade que não puderam jogar também, então, serviu para mostrar que o grupo tem qualidade e, encaixando dois ou três valores, temos tudo para fazer um grande Brasileiro”, disse Cuca.

A vitória sobre o Corinthians deixou o Atlético-MG com seis pontos no Campeonato Brasileiro, em terceiro lugar, atrás apenas de Botafogo e Vasco, que levam vantagem nos critérios de desempate. Cuca exaltou a boa arrancada e lembrou que o time faz uma boa temporada, com a conquista do título do Campeonato Mineiro e apenas uma derrota em 2012.

“Hoje, a gente completa 21 partidas, com apenas uma derrota, 16 vitórias e quatro empates. A equipe está se encaixando, os jogadores se conhecendo cada vez mais e assim vai ficando melhor de jogar”, disse.

Ao avaliar a partida, Cuca destacou que o duelo teve dois tempos distintos, com o primeiro sendo mais truncado e o segundo mais aberto e emocionante. Para o treinador, só faltou ao Atlético a competência para definir a sua vitória com mais tranquilidade após fazer 1 a 0.

“Acho que foi um primeiro tempo mais estudado, o calor, as equipes se analisando. Não foi um bom jogo, um pouco lento, com poucas oportunidades. No segundo tempo, foi um jogão. O Corinthians se abriu e nós também saímos mais na base da velocidade. Fizemos o gol, eles vieram para cima e tivemos até chances de matar o jogo, não fizemos e o jogo ficou perigoso e tenso até o final”, analisou o treinador.