O zagueiro Pereira será julgado novamente pelo Superior Tribunal de Justiça Desportiva na próxima quarta-feira (15), pela expulsão na partida contra o Palmeiras no dia 19 de julho, pelo Campeonato Brasileiro.

Reincidente, o defensor pode receber uma punição de até seis jogos por prática de jogada violenta. Na última semana, Pereira já havia sido julgado por uma infração na final da Copa do Brasil.

“Vamos defendê-lo da melhor maneira possível, mas assim como no julgamento anterior, temos a preocupação por ele ser reincidente. De qualquer forma, devemos contar com a presença do atleta para explicar melhor o ocorrido”, disse o advogado Itamar Côrtes, que irá defender o atleta no caso.