“De parar a cidade!” É assim que o atacante Marcos Aurélio está avaliando o clássico de hoje contra o Atlético. Artilheiro do Coritiba nos últimos confrontos contra o arquirrival, ele espera repetir a dose nesta “decisão”. “A vitória para eles também dá o título para eles. A cidade toda vai parar hoje. É um confronto importante. Temos que estar concentrados, focados para fazermos uma boa partida”, avalia o avante alviverde.

Mas e você? “Tive oportunidades contra eles e soube aproveitar. Para todos nós é importante. Poder marcar e ajudar o Coritiba vencer será melhor ainda”, relembra.

No entanto, Marcos Aurélio não admite nenhum tipo de favoritismo. “Temos o apoio da nossa torcida, vamos atuar em casa, temos que impor o nosso ritmo de jogo, mas não tem favorito. Clássico não tem favoritismo. Temos que estar concentrados, entrar ligados nessa “decisão”, enfatiza o atacante Marcos Aurélio.

O lateral-direito Rodrigo Heffner também receita concentração para vencer o rival. “Sabemos que o primeiro clássico que fizemos não será parecido com o que teremos no domingo (hoje). Dificuldades serão muito maiores”, pondera o defensor Coxa.

O que mudou, Heffner? “Daquela época para cá mudou o treinador, eles vêm numa produtividade então temos que manter a cabeça tranquila. Clássico é decidido em detalhes”, completa.

De qualquer forma, dar a volta olímpica é o único pensamento no Alto da Glória. “Estamos querendo vencer para não perder a oportunidade. Será um jogo difícil. Clássico é um jogo “fora do campeonato’, e se vencermos seremos campeões. Então vamos em busca da vitória”, finaliza o volante Marcos Paulo.