Restando 10 dias para o início de 2014, o Coritiba deverá começar o ano em débito com alguns jogadores. Especialmente no que diz respeito ao direito de imagem. Em férias, o zagueiro Leandro Almeida expôs pelo Twitter seu descontentamento. “11 meses de muita enrolação”, desabafou.

Não é a primeira vez que a situação financeira do clube é publicamente exposta e colocada em xeque pelos próprios jogadores. Em junho o atacante Deivid foi pivô de uma polêmica pelo não pagamento de seis parcelas referentes à direitos de imagem.

Nem mesmo atletas que já deixaram o Alto da Glória, como Emerson e Rafinha, estão livres da pendência. Além dos quatro jogadores, o Coritiba ainda mantém contrato de direito de imagem com os meias Bottinelli e Lincoln, que não devem permanecer para a temporada 2014.

“95% do meu plantel é salário. Direito de imagem eu tenho só seis jogadores, e todos os seis tenho feito acordo para pagamento. Não está em dia esses seis jogadores, mas estamos pagando regularmente para resolver a situação de todos eles”, declarou o presidente.