O Coritiba ganhou um problemão. Julgado ontem pela 3ª Comissão Disciplinar do Superior Tribunal de Justiça Desportiva (STJD), o atacante Henrique Almeida foi suspenso por dois jogos por conta da expulsão na partida contra o São Paulo, no mês passado. A decisão não é definitiva, mas preocupa o técnico Pachequinho.

A chance de ter o artilheiro alviverde no Brasileirão, com nove gols, na partida contra o Goiás, próxima qurata, no Serra Dourada, está na possibilidade do efeito suspensivo. O advogado do clube, Itamar Côrtes, irá reccorer da decisão – com a decisão indo para o pleno do STJD e, ao mesmo tempo, pedindo a liberação do atleta até esse julgamento.

Henrique já cumpriu um jogo, na suspensão automática, no empate com o Figueirense. Uma possível nova ausência obrigaria Pachequinho a fazer alterações profundas no time, pois não tem nenhum reserva imediato para o artilheiro.

Livre, mas pagando

Por outro lado, o Coxa escapou de uma punição por conta da tentativa de invasão de alguns torcedores ao vestiário do clube, no Couto Pereira, após o mesmo duelo com o São Paulo. A 3ª Comissão Disciplinar absolveu o Verdão por três votos a um da perda de mando, mas aplicou uma multa de R$ 20 mil por conta dos acontecimentos.

Na derrota para o tricolor paulista, houve uma confusão por conta da tentativa de invasão. Os jogadores Juninho, João Paulo e Thiago Galhardo saíram correndo do local, os dois últimos indo se abrigar no vestiário do visitante.

Com a multa e sem gancho, o time coxa-branca poderá jogar normalmente dentro de casa e contar com o apoio da torcida nos seus dois últimos compromissos que tem para fazer no Couto Pereira. No dia 22, domingo, o Verdão terá pela frente o Santos e na última rodada do Brasileirão, no dia 6 de dezembro, receberá o Vasco.

Tristeza

O filho do atacante Keirrison morreu na madrugada de terça-feira no hospital Vita, em Curitiba. Henri Lucca Buss de Souza era o fruto do relacionamento do K9 com Hevelin Buss de Souza, que foi jogadora de futebol e é irmã do zagueiro Henrique, ex-Coritiba e Palmeiras, atualmente no Napoli.