Após quase ir para o Vasco, Marquinhos Santos acertou a sua permanência no Coritiba. Preferido da nova diretoria do Alviverde, o santista de 35 anos já está trabalhando visando a temporada 2015.

O anúncio oficial, entretanto, ocorrerá somente na próxima sexta-feira. O grupo do presidente Rogério Bacellar, eleito no sábado, prefere não divulgar qualquer medida antes de tomar posse.

A solenidade de troca de comando, e despedida do ainda presidente Vilson Ribeiro de Andrade, está marcada para amanhã à noite, no Couto Pereira. O novo Conselho Deliberativo também será empossado na oportunidade.

Além de Santos, o Coritiba pretende confirmar na sexta-feira João Paulo Medina como superintendente de futebol. O professor da Universidade do Esporte já era cotado para assumir o cargo antes mesmo do triunfo nas urnas da chapa “Coxa Maior”.

Santos e Medina já estão tratando da montagem do elenco coxa-branca. A dupla analisa, num primeiro momento, quais os jogadores do atual conjunto devem ou não permanecer.

Joel

O Cruzeiro agiu rápido e anunciou ontem a contratação do atacante Joel, ex-Coritiba. Com oito gols, o jogador camaronês foi um dos poucos destaques na apagada campanha do Coxa no Brasileiro. O Flamengo e o Grêmio também estavam interessados no atleta.

“Realmente, acabamos de fechar o contrato com o presidente do Londrina, o Sérgio Malucelli. O Joel já é jogador do Cruzeiro, por contrato de cinco anos. O valor foi de R$ 2,5 milhões, por 50% dos direitos econômicos”, afirmou Benecy Queiroz, supervisor do Cruzeiro, em entrevista ao site Superesportes, de Minas Gerais.

O Cruzeiro adquiriu a parte que pertencia a Sérgio Malucelli, que também é empresário do atleta, nos direitos econômicos de Joel. Um grupo de investidores alemães detém a outra fatia.

O jogador só ficaria no Alto da Glória caso a situação, de Vilson Ribeiro de Andrade vencesse a eleição do último sábado. Com o triunfo de Rogério Bacellar, a transferência para o Cruzeiro foi facilitada.