O Coritiba enfrenta o Botafogo amanhã, às 16h, no Couto Pereira, pelo Campeonato Brasileiro, precisando da vitória, uma vez que estreou com derrota por 2 x 0 para o Internacional. Mais que isso, o time precisa aproveitar as próximas rodadas para ganhar uma “gordurinha” na tabela.

No ano passado, o Coxa também iniciou o Brasileirão dividindo as atenções com a Copa do Brasil. Por conta disto, a equipe somou apenas três pontos no período em que disputou as duas competições – três rodadas -, sendo que por duas vezes foi a campo formado por reservas. Foram pontos perdidos que fizeram falta para alcançar a tão sonhada Libertadores – o time ficou três pontos atrás do Internacional, quinto colocado.

Agora, o Alviverde terá três jogos antes de encarar o São Paulo na Copa do Brasil, sendo duas partidas em casa – além do alvinegro, pega a Portuguesa, dia 6 de junho, e depois o Flamengo, dia 9, no Engenhão. Oportunidade ideal para somar pontos decisivos e não terminar com o mesmo final de 2011. “Tem que levar o Brasileiro a sério, independentemente de estarmos na Copa do Brasil. Ano passado faltaram os pontos que deixamos de fazer no início. Então, esse ano tem que ser diferente e temos que entrar com força total nos jogos para ir somando os pontos”, afirmou o zagueiro Emerson.

Um dos mais experientes do atual elenco, o meio-campista Lincoln reforçou a importância de manter o foco nas duas competições e que todo o grupo precisa “Todas as competições são importantes. A Copa do Brasil tem só jogos decisivos e o Campeonato Brasileiro, se você perde muitos pontos, vão fazer falta no final. Foi o que aconteceu com o Coritiba”, disse.

O atacante Éverton Costa admitiu que é difícil esquecer totalmente o tricolor paulista, mas reforçou que o adversário de amanhã tem qualidades e pode surpreender o time caso entre desligado. “A cabeça vai lá na frente, porque estamos entre os quatro melhores, mas temos que pensar no jogo de domingo”, alertou.