As confusões ocorridas na Arena Joinville, no último domingo, na partida entre Atlético e Vasco ainda repercutem no mundo do futebol. Na última quinta-feira, em reunião realizada em Brasília, o presidente do Coritiba, Vilson Ribeiro de Andrade, cobrou atitudes mais drásticas para acabar com a violência no futebol.

“Os clubes têm que ser punidos com a perda de pontos. Assim forçará as organizadas a selecionar os elementos. Se acontecer isso, o clube tem que perder os três pontos”, destacou o mandatário alviverde.

Representante dos clubes do futebol brasileiro, o presidente coxa-branca também ressaltou que a segurança terá que ser mais forte nos estádios.