Com uma marcação implacável, o Coritiba mostrou que está bem vivo no Campeonato Brasileiro. Neste domingo, o time dirigido por Rodrigo Carpegiani, pois o pai, Paulo César, estava suspenso, encarou de igual para igual o Atlético-MG e venceu por 2×0, no Couto Pereira. Com a vitória, o Coxa abriu quatro pontos de distância para a zona de rebaixamento e agora tem 42 pontos em 14º lugar. Já o Galo está em quarto lugar com 60 pontos.

Carpegiani, o filho, começou o jogo com Raphael Veiga e Dodô como titulares e com um esquema forte de marcação sob pressão. No primeiro tempo, o Coxa deu muito trabalho para o goleiro Victor, que teve que se desdobrar para evitar o gol alviverde. E na primeira chance quase que o goleiro engoliu um frango. Kléber arriscou de fora da área e Victor se atrapalhou todo, mas conseguiu desviar para escanteio.

O Coxa seguiu pressionando e Iago quase fez de cabeça, após cruzamento de Dodô. A resposta do Galo saiu numa boa trama entre Fábio Santos e Lucas Pratto, que foi travado na hora do chute por Amaral. Pouco depois, o venezuelano César González cobrou falta na entrada da área e obrigou Victor a fazer mais uma boa defesa. A pressão alviverde não dava trégua. Kléber bateu cruzado de dentro da área e o goleiro do Galo salvou de novo.

Na volta do intervalo, o Coxa manteve a pressão e o ritmo e não demorou muito para ser presenteado com uma pintura no Couto Pereira. Raphael Veiga pegou de fora de área e acertou o ângulo de Victor, que até foi na bola, mas não achou nada. O gol deu mais ânimo aos jogadores do Coritiba, que continuaram marcando forte e incomodando o arqueiro mineiro.

O Galo não conseguia chegar ao gol de Wilson, que pouco teve que trabalhar na etapa final. Em compensação, do outro lado, Victor suava a camisa. Kazim, que entrou no lugar de César González, mostrou que pode jogar junto com Kléber e quase fez o segundo gol alviverde. Ele recebeu de Iago e mandou a bomba. Victor desviou e a bola explodiu no travessão.

E quando o jogo já se encaminhava para o final, Kazim, de novo ele, roubou a bola de Patric, invadiu a grande área e foi derrubado pelo próprio Patric. Pênalti para o Coritiba. Kléber cobrou com categoria e fez o segundo do Coxa. Resultado que traz mais tranquilidade para o Verdão trabalhar para o próximo compromisso, dia 16, também no Couto Pereira, contra o Santa Cruz.

Ficha técnica

BRASILEIRÃO
2º Turno – 34ª Rodada

Coritiba 2×0 Atlético-MG

Coritiba
Wilson; César Benítez , Juninho, Walisson Maia e Dodô; Amaral, César González (Kazim), Juan (Geovane) e Raphael Veiga (Edinho) ; Iago  e Kléber.
Técnico: Paulo César Carpegiani

Atlético-MG
Victor; Patric, Gabriel, Erazo e Fábio Santos; Leandro Donizete, Rafael Carioca e Otero (Fred); Cazares  (Maicosuel), Luan (Robinho) e Lucas Pratto.
Técnico: Marcelo Oliveira

Local: Couto Pereira

Árbitro: Anderson Daronco (Fifa-RS)

Assistentes: Elio Nepomuceno de Andrade Junior (RS) e Jorge Eduardo Bernardi (RS)

Gols: Raphael Veiga aos 7 e Kléber aos 47 do 2º tempo.

Cartões amarelos: Raphael Veiga, Erazo, Leandro Donizete e Patric

Público pagante: 11.847

Público total: 12.730

Renda: R$ 211.040,00