Foi com requintes de crueldade para o torcedor, mas o Coritiba Crocodiles é o bicampeão brasileiro de futebol americano. Em uma final emocionante, a equipe paranaense precisou da prorrogação para derrotar o João Pessoa Espectros e levantar o troféu ontem, no Couto Pereira.

O título por muito pouco não escapou. Apesar de ter começado melhor o jogo, abrindo 3×0 no primeiro tempo, o Crocodiles passou sufoco na segunda metade. A equipe paraibana se recuperou e logo no começo do segundo tempo fez um touchdown e converteu o chute extra, virando o placar para 7×3. No começo do segundo quarto, os visitantes fizeram um field goal e ampliaram para 10×3.

A vantagem dos Espectros só aumentava. Com mais um touchdown e um chyte extra convertido, o adversário abriu 17×3 e estava muito perto do título. Só que, faltando pouco mais de seis minutos, o Crocodiles acordou em campo e revertou a vantagem de forma heróica.

O time coxa-branca fez dois touchdowns e dois pontos extras e igualou o placar em 17×17 quando restava menos de um minuto para o final do jogo. Com o empate, a decisão foi para a prorrogação, uma espécie de cobranças de pênaltis. Cada time tem direito a um ataque e quem fizer o ponto e interceptar o ataque adversário, ganha o jogo.

Empolgado pelos pontos no final da partida, o Coritiba Crocodiles bloqueou o ataque do Espectros e no ataque fez ou touchdown que decretou o segundo título da equipe paranaense.