O nome de Claudinei Oliveira ganhou força nos bastidores para assumir o comando técnico do Coritiba na noite deste domingo (12). Depois da derrota do Sport por 3×1 para o São Paulo, em plena Ilha do Retiro, ele entregou o cargo à diretoria do clube recifense. Em contato com a Tribuna do Paraná, ele disse que ainda não foi procurado.

As especulações em torno do velho conhecido do futebol paranaense começaram tão logo o Coxa anunciou o desligamento de Eduardo Baptista, logo após o empate em 0x0 com o Sampaio Corrêa, na última sexta-feira (10). Vágner Mancini, que estava no Vitória, também teve seu nome mencionado nos bastidores.

Claudinei iniciou a carreira de treinador nas categorias de base do Santos e subiu pro profissional em 2013. Depois foi para o Goiás, de onde saiu para o Paraná Clube, em 2014. O bom desempenho no time da Vila Capanema chamou a atenção da diretoria do Atlético, que o contratou e o manteve até 2015. Após a passagem pelo Furacão, foi para o Vitória, para regressar ao Tricolor da Vila em 2016 e acabou saindo por mau rendimento. A saída abriu caminho para ele assumir o Avaí, onde ficou por dois anos, até ser contratado pelo Sport.