O Coritiba amargou mais uma derrota dura no Brasileirão. Na noite desta segunda-feira (28), o Coxa foi ao Rio de Janeiro enfrentar o Fluminense e foi goleado por 4 a 0, aumentando a pressão sofrida, já que soma apenas três vitórias em 12 jogos na Série A.

O time segue muito próximo à zona de rebaixamento, na 16ª colocação, com os mesmos 11 pontos, com data certa para voltar à área da degola. No meio desta semana, Bahia e Botafogo vão se enfrentar em jogo atrasado da primeira rodada, e, independente do resultado, puxarão o Coxa para a ZR.

>> Veja como foi o jogo entre Fluminense e Coritiba

Outro número negativo do time confirmado foi a do pior ataque na competição. O Coritiba tem apenas oito gols em doze jogos. A falta de pontaria pode ter explicação. Na escalação, o Alviverde foi a campo com apenas um atacante de origem: Robson. Igor Jesus não foi relacionado, pois está sendo negociado com o futebol árabe. Neilton segue no departamento médico por lesão no tornozelo.

O próximo compromisso do Verdão é no domingo (04), diante do São Paulo, no Couto Pereira.

>> Blog do Cristian: Será que agora vai cair a ficha no Coxa?

A bola rolou o os donos da casa demonstraram domínio da partida. Não demorou para que o Fluminense abrisse o placar. Aos sete minutos, após troca de passes pelas laterais da área, Wellington Silva recuou para Michel Araújo, que mandou uma bomba indefensável que morreu dentro da meta de Wilson.

Robson teve a melhor oportunidade de empate no primeiro tempo nos pés, mas desperdiçou. Aos 41 minutos, o jogador recebeu um cruzamento de William Matheus. O atacante passou os marcadores, ficou de cara com o goleiro e precisava apenas mandar para o fundo das redes, porém usou muito força na finalização e a bola foi muito para fora.

Natanael acabou sendo expulso de campo. Foto: Lucas Merçon/Fluminense.

>> Confira a tabela e a classificação do Brasileirão!

No segundo tempo, outra grande chance criada por Robson. Aos 9, o atacante deu uma caneta em Hudson e, de fora da área, mandou uma bomba que explodiu na trave esquerda de Muriel. Sem tempo para reagir, o Coxa sofreu o segundo gol. Felippe Cardoso entrou, no lugar de Fred e, após dois toques, aos 15 minutos, passou com facilidade por Sabino, chutou cruzado e assinalou. Aos 26, Nino ainda ampliou, ao receber de cabeça, de Matheus Ferraz.

Nos minutos finais, o lateral-direito Natanael cometeu pênalti no adversário e acabou sendo expulso de campo. Ganso foi pra bola e decretou a goleada.

Ficha técnica

Brasileirão
12ª rodada
28/09/2020

FLUMINENSE 4×0 CORITIBA

Fluminense
Muriel, Igor Julião (Wisney), Nino, Matheus Ferraz e Danilo Barcelos; Hudson, Dodi e Nenê(Ganso); Wellington Silva (Fernando Pacheco), Michel Araújo(Yago Felipe) e Fred (Felippe Cardoso). Técnico: Odair Hellmann.

Coritiba
Wilson, Natanael, Rodolfo Filemon, Sabino e William Matheus; Hugo Moura (Ramón Martinez), Matheus Sales (Matheus Galdezani), Matheus Bueno (Nathan) e Gabriel (Sarrafiore); Giovanni Augusto (Thiago Lopes) e Robson. Técnico: Jorginho.

Gols: Michel Araújo, 7 do 1º, Felippe Cardoso, 15, Nino, 26, Ganso, 41 do 2º (FLU)
Cartões amarelos: Danilo Barcelos (FLU); William Matheus (COR)
Cartão vermelho: Natanael.

Local: Nilton Santos (Rio de Janeiro-RJ)
Árbitro: Vinicius Gonçalves Dias Araujo (SP)
Assistentes: Daniel Luis Marques (SP) e Daniel Paulo Ziolli (SP)


A Tribuna precisa do seu apoio! 🤝

Neste cenário de pandemia por covid-19, nós intensificamos ainda mais a produção de conteúdo para garantir que você receba informações úteis e reportagens positivas, que tragam um pouco de luz em meio à crise.

Porém, o momento também trouxe queda de receitas para o nosso jornal, por isso contamos com sua ajuda para continuarmos este trabalho e construirmos juntos uma sociedade melhor. Bora ajudar?