Tão logo acabou a partida contra o Internacional, o gramado do Couto Pereira começou a ser preparado para enfrentar as baixas temperaturas do inverno. “Começamos a troca ontem (domingo), os funcionários passaram a noite fazendo o corte vertical, hoje (ontem) foi feita a limpeza, amanhã (hoje) haverá a cobertura com areia e à tarde será feita a semeadura”, informa o agrônomo Dênis Renaux, da GrassTechno, empresa que cuida do Alto da Glória e do CT da Graciosa, que receberá o mesmo procedimento nos campos 1 e 2 na sequência.

De acordo com ele, serão dez dias para a rye-grass germinar e crescer a tempo do Coritiba enfrentar o Ceará na quinta-feira da semana que vem. “Já dá para ter jogos e já vai dar para perceber uma aparência bem melhor, um verde bem intenso, que dá uma qualidade ao gramado”, destaca o profissional.

Segundo ele, esse procedimento é corriqueiro nos estados do Sul e do Sudeste porque o frio e as geadas vão queimando o vegetal. “Em todos os principais campos são aplicados essa grama e em Curitiba além do frio, temos os campos de maior altitude”, justifica.