Mesmo sem jogar bem, o Coritiba está classificado para as semifinais do Campeonato Paranaense. Nesta quinta-feira (23), no Couto Pereira, o Coxa venceu o clássico com Paraná por 2×1 e confirmou a vaga para encarar o surpreendente Cianorte, que eliminou o Operário.

O Alviverde, que já havia vencido o rival no último domingo (19), abriu o placar aos 8 minutos com Patrick Vieira, em um frango do goleiro Allison. O Tricolor empatou ainda no primeiro tempo, em pênalti cobrado pelo zagueiro Fabrício. O gol da vitória foi de Igor Jesus, aos 28 da etapa final.

O primeiro jogo da semifinal ainda não foi homologado pela Federação Paranaense de Futebol (FPF), mas deve ser neste domingo (26), às 16h, no Albino Turbay. Já o time paranista só volta a jogar no dia 7 de agosto, quando estreia na Série B, contra o Confiança-SE.

+ Confira como foi o jogo no Tempo Real da Tribuna!

Apesar de ter a vantagem do empate para avançar, foi o Coritiba quem começou o jogo no ataque. Mas foi em um lance totalmente casual que os donos da casa abriram o placar.

Logo aos oito minutos, Patrick Vieira cobrou falta na área e a bola quicou na frente do goleiro Alisson. O camisa 1 se atrapalhou, não segurou e presenteou o Alviverde com a vantagem. Pelas imagens da transmissão, contudo, não é possível cravar que a bola inteira cruzou a linha.

O Paraná só voltou para o jogo quando Rafinha cometeu pênalti em Gustavo Mosquito, aos 28. O zagueiro Fabrício cobrou forte e empatou.

Defesa do Coxa teve trabalho no segundo tempo, quando o Paraná criou mais chances. Foto: Divulgação/Coritiba

A partir daí, só os visitantes criaram. E a virada poderia ter se concretizado em cobrança de falta de Fabrício, que passou raspando a trave direita de Wilson. Michel também uma boa chance, mas parou no arqueiro coxa-branca.

O Paraná continuou mais agressivo na etapa final, criando oportunidades para virar. A primeira delas foi com Raphael Alemão, ao 14 minutos. O atacante bateu com perigo após boa jogada de Gustavo Mosquito.

+ Confira como ficaram as semifinais do Paranaense

Dez minutos depois, Juninho cruzou da esquerda e Alemão cabeceou firme. Wilson voou para espalmar e salvar o Coxa.

Quando a pressão paranista parecia que surtiria efeito, o Coritiba tratou de definir a classificação. Igor Jesus, que tem deixado o badalado Sassá no banco, girou bonito na área após receber passe de Robson caído e mandou no canto, aos 26, definindo o placar.

Ficha técnica

PARANAENSE 2020
Quartas de final – Jogo de volta

CORITIBA 2×1 PARANÁ

Coritiba: Wilson; Patrick Vieira, Rhodolfo, Sabino e Willian Matheus; Nathan Silva, Gabriel, Thiago Lopes (Renê Júnior) e Rafinha (Welissol); Robson (Matheus Galdezani) e Igor Jesus. Técnico: Eduardo Barroca.

Paraná: Alisson; Paulo Henrique, Thales, Fabrício e Juninho; Carlos Dias (Kaio), Jhony Douglas e Michel (Marcelo); Thiago Alves, Mosquito e Raphael Alemão (Rodrigo Rodrigues). Técnico: Allan Aal.

Local: Couto Pereira
Árbitro: Paulo Roberto Alves Jr
Gols: Patrick Vieira, 8, e Fabrício, 28 do 1º; Igor Jesus 26 do 2º
Cartões amarelos: Nathan Silva (CFC) e Carlos Dias, Thiago Alves (PRC)


A Tribuna precisa do seu apoio! 🤝

Neste cenário de pandemia por covid-19, nós intensificamos ainda mais a produção de conteúdo para garantir que você receba informações úteis e reportagens positivas, que tragam um pouco de luz em meio à crise.

Porém, o momento também trouxe queda de receitas para o nosso jornal, por isso contamos com sua ajuda para continuarmos este trabalho e construirmos juntos uma sociedade melhor. Bora ajudar?