Num jogo bem movimentado no primeiro tempo e que, assim como a temperatura em Curitiba, esfriou a partir da metade do segundo tempo, o Coritiba empatou com a Raposa, líder do Brasileirão, por 1 a 1, no Couto Pereira.

O jogo começou com as equipes se estudando bastante, mas, aos poucos o Coritiba foi se soltando e criou boas oportunidades em triangulações pelo meio entre Carlinhos Paraíba, Michael e Hugo e nos cruzamentos de Pedro Ken e Rubens Carsoso.

O lance polêmico do primeiro tempo foi um gol do Coritiba anulado de forma equivocada pelo auxiliar que marcou impedimento inexistente de Michael que desviou uma bola chutada por Hugo.

No início do segundo tempo o Coritiba marcou novamente e dessa vez valeu. Um bom cruzamento de Ricardinho pela esquerda e a bola sobrou para Michael que girou e bateu o goleiro Fábio.

Depois do gol o Coritiba recuou e o Cruzeiro começou a chutar de fora da área, obrigando Edson Bastos a fazer várias defesas. De tanto pressionar, o Cruzeiro chegou ao empate com Ramires que recebeu um cruzamento de Jadilson pela esquerda, antecipou os zagueiros e meteu a cabeça na bola, sem chances para o goleiro Coxa.

Depois do gol de empate da Raposa, as duas equipes aumentaram a marcação no meio e o jogo perdeu qualidade, com poucas oportunidades de gol até o final da partida. Na próxima rodada, o Coritiba viaja para o Rio de Janeiro, onde encara o Botafogo.