O Corinthians terá o jogo do Pacaembu, no próximo dia 15, para superar a derrota por 1 a 0 sofrida diante do Boca Juniors, na última quarta-feira, em Buenos Aires, na Argentina. Para os jogadores, a missão de classificar o time para as quartas de final da Copa Libertadores é difícil, mas longe de ser impossível.

O meia Danilo, no entanto, lamentou o fato de o time não ter marcado um gol fora de casa, como aconteceu na final de 2012 (1 a 1, graças a um golaço de Romarinho). “Nessa questão de dois jogos é bom marcar um gol fora. Perdemos, mas foi bom termos levado um só. Temos plenas condições de reverter em casa”, ressaltou.

O técnico Tite reconheceu que a equipe não foi bem em Buenos Aires. “Marcamos melhor do que criamos. Não fizemos um grande jogo. Mas nada que não seja possível reverter jogando em casa”, afirmou o treinador.

Domingo, o Corinthians enfrenta o São Paulo pela semifinal do Campeonato Paulista. O jogo será realizado no Morumbi, a partir das 16 horas. Danilo, que deixou o jogo desta quarta-feira machucado, é dúvida para o confronto e admitiu temor pela lesão.

“Preocupa. Sai por isso. Estava sentindo desde os 20 minutos do primeiro tempo, mas continuei até o intervalo. Estava doendo. Voltei, mas optei por sair por precaução”, afirmou Danilo, que deverá ser submetido a exames em sua volta a São Paulo para saber se poderá atuar diante dos são-paulinos.