Ainda na espera pela definição de Brandão, do Shakhtar Donetsk, e Kleber, do Palmeiras, o Corinthians tenta uma última cartada para manter o atacante Herrera no clube em 2009. Depois de desistir de pagar US$ 2,4 milhões (R$ 5,6 milhões) pelos direitos do argentino, além de impostos e percentual para o jogador, o time do Parque São Jorge enviou proposta de US$ 400 mil por mais um ano de empréstimo ao Gimnasia La Plata.

“Se eles não aceitarem essa oferta dificilmente o Herrera continua. Não temos condições de pagar R$ 8 milhões pelos direitos dele”, disse o diretor-técnico Antônio Carlos à rádio Record.

Por conta do impasse na negociação com Herrera, o Corinthians se mexe para contratar mais um atacante para o Paulistão. A primeira opção é Brandão. “Fizemos uma proposta por empréstimo para ele”, confirmou Antônio Carlos.

Sebastião da Silva, pai e empresário do atacante, também se mostrou animado em trazer Brandão para o Corinthians. “O Corinthians está interessado sim. Vou ter que viajar para a Ucrânia para que isso se concretize. No começo do ano irei para lá, pois agora eles estão de férias e a sede fica fechada”, disse ele, em entrevista à rádio Globo.

Já Kleber, depois de dizer que não jogaria no Corinthians, voltou atrás e admite negociar com o rival do Palmeiras. Mas isto só acontecerá se o time do Palestra Itália não definir a sua situação até o dia 31.